Todos iguais, porém uns mais iguais que outros. Operador do PSDB já está na rua

O operador do PSDB, Paulo Preto, suspeito de receber propina durante a gestão de José Serra teve seu Habeas Corpus concedido hoje pelo Ministro do STF Gilmar Mendes.

Menos de dois meses depois de ser nomeado diretor do Dersa (empresa responsável por obras rodoviárias de São Paulo) pelo então governador de São Paulo José Serra, em 2007, Paulo Vieira de Souza, o Paulo Preto, abriu quatro contas no banco Bordier & Cie, em Genebra. Tais contas receberam de 2007 a 2009 entradas numerosas de fundos.
Em 2017, Paulo Preto decidiu transferir tudo para as Bahamas, num valor equivalente a R$ 121 milhões, quando já era investigado pela Lava Jato.

Com informações da midianinja.org

Anúncios

Atitude política de Moro dá razão a Lula, por Kennedy Alencar

Por Pablo Carvalho

Do Jornalista Kennedy Alencar, um dos poucos jornalistas equilibrado da mídia hegemônica.

Previsto para amanhã, em Curitiba, o depoimento do ex-presidente Lula ao juiz federal Sergio Moro tem sido cercado por luta política. O caso ilustra a confusão de papéis vivida por integrantes do Ministério Público e do Judiciário em relação aos políticos.

Não cabe a um juiz divulgar vídeo nas redes sociais, como fez Moro, dizendo quem deve ou não comparecer a manifestações políticas.

Quando age assim, ele dá razão aos que o criticam por incorporar o papel de líder de um lado – no caso, dos apoiadores da Lava Jato. Juiz não deve ter atuação política, mas ser e parecer imparcial. Um magistrado não pode ser político porque ele tem uma caneta na mão que manda prender e manda soltar. Detém um poder tremendo.

Já o ex-presidente Lula é um político e tem direito de agir como tal. Deve dar explicações à Justiça como qualquer cidadão, mas tem o direito de apontar perseguição política se considerar que isso está acontecendo.

O pedido de adiamento do depoimento faz sentido diante de uma quantidade enorme de novos documentos que foram incluídos no processo. A tese do Ministério Público é que dinheiro de propina da Petrobras irrigou as finanças pessoais de Lula, inclusive no caso do apartamento do Guarujá.

Ora, recentemente, o ministro Gilmar Mendes decidiu que a Polícia Federal não poderia interrogar o senador Aécio Neves apresentando documentos ou provas que ele desconhecesse. No caso de Lula, será difícil a defesa ter ciência de tudo o que consta desses documentos da Petrobras.

Não é boa a imagem em que um juiz aparece como boxeador de uma luta, retrato feito por uma revista semanal a respeito de depoimento de Lula. Quando envereda pela política, Moro enfraquece a Lava Jato e fortalece Lula, que ganha argumentos a favor do seu ponto de vista.

Escute o áudio no link abaixo

Pedido de impedimento de Gilmar Mendes é quase uma declaração de guerra de Janot

Com informações do Tijolaço

“Data falha” comprova que Moro só faz bem a Lula

Por Pablo Carvalho

Em pesquisa eleitoral publicada hoje, com um cenário que tem 197% de intenção de votos (cenário 4), a “Data Falha” mostra que todos os ataques proferidos contra o presidente Lula, só o fortalece.

Inclusive, nos cenários de segundo turno, em que Lula não está em primeiro, o gráfico mostra ele subindo e o adversário em queda.

Outro fator que chama atenção, é o PSDB perder espaço para o candidato fascista Jair Bolsonaro, que agora briga pelo segundo lugar com Marina Silva. O prêmio de consolação dos tucanos, pelo apoio ao golpe, ao que tudo indica é ficar de fora do segundo turno.

Como alguns “taradinhos” da “Falha” fez muito alarde desta pesquisa no decorrer da semana, muitos (iguais a nós) pensaram que ela poderia trazer informações diferentes das demais pesquisas, ledo engano nosso, nem a “Data Falha” com o erro gigantesco no cenário 4, pode desmentir o que é notório, o povo mais humilde que são a maioria do Brasil, quer Lula de novo!

Matéria completa da “Falha” de São Paulo

 

Faça os cálculos deste cenário, alias, a “Falha” já tirou.

Com informações do Tijolaço

(Vídeo) Entrevista completa de Lula a Kennedy

Por Pablo Carvalho

O jornalista Kennedy Alencar entrevistou nesta quarta-feira (26) o ex-presidente Lula. Diversos temas foram abordados, como a Operação Lava Jato, uma possível candidatura à Presidência da República em 2018, o juiz Sérgio Moro, as reformas da Previdência e trabalhista, o triplex em Guarujá, o sítio em Atibaia, e o atual cenário político e econômico.

Com informações do Blog do Kennedy

Moro arrega e adia depoimento de Lula

Por Pablo Carvalho

Hoje, na Folha:

O juiz Sergio Moro, responsável pela Lava Jato em Curitiba, decidiu mudar a data do depoimento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, até então previsto para o dia 3 de maio.

Segundo a Folha apurou, a mudança ocorrerá a pedido da Polícia Federal. Moro deve adiar o depoimento de Lula para o dia 10 de maio.

A PF argumentou que precisaria de mais tempo para organizar a segurança no local e que o feriado do dia do Trabalho, 1 de maio, dificultaria ainda mais a operação.

O PT e movimentos alinhados ao partido preparavam forte mobilização para apoiar o ex-presidente. Caravanas estavam partindo de diversos pontos do país.

Duvido que seja este o motivo. O esquema de segurança teve quase dois meses para ser organizado. É mais provável que seja algo relacionado ao “timing” de Moro.

Do Tijolaço